Saúde financeira e o ambiente de trabalho: ações coletivas para impactos individuais

16/09/2022

Perda de sono, humor instável, ansiedade, baixa autoestima e falta de concentração. Você sabia que, em muitos casos, esses sintomas podem estar relacionados à sua vida financeira? Ficou surpreso? Pois saiba que a falta de equilíbrio nas finanças pode ser uma das causas de adoecimento, isolamento e muitos outros problemas. Por conta disso, a saúde financeira deixa de ser um assunto individual e passa a ser discutida no ambiente laboral, por setores que fazem o acompanhamento do colaborador, como profissionais de segurança, saúde e RH. Investir em ações que promovam a conscientização financeira no trabalho pode ser a chave para uma vida com mais qualidade e produtividade.  

Educação Financeira e a sociedade moderna 

A busca pelo consumo, muitas vezes, excessivo é uma característica da sociedade moderna. Somos impulsionados a comprar todas as novidades que o mercado oferece e a substituir com facilidade um objeto antigo por um mais moderno. Por conseguinte, as facilidades que influenciam o processo de compra são muitas: cartões de crédito, consignados, crediários. Diante de tantas opções, nem sempre é fácil conciliar o desejo de comprar com as atribuições fixas necessárias à sobrevivência, como as contas mensais com casa, escola, transporte, comida etc. 

Organizar a vida financeira não é uma tarefa fácil e se complica ainda mais porque não fomos preparados para fazê-la. É somente de 2010 o decreto 7.397/2010, que prevê a discussão sobre educação financeira nas escolas. Além de termos ficado de fora dessa discussão no ambiente educacional, somos colocados à prova do consumo diariamente, a partir de diferentes estratégias de marketing para compras não conscientes 

O resultado desse cenário vem tomando formas preocupantes: segundo a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), 77,7% das famílias brasileiras fecharam o mês de abril deste ano com alguma dívida. O índice é superior ao ano passado e salienta ainda mais a necessidade de ações que promovam a conscientização das pessoas acerca da sua relação com o dinheiro.  

Saúde financeira e o ambiente de trabalho 

A temática sobre o equilíbrio nas finanças acabou rompendo a esfera pessoal do indivíduo para se tornar assunto em outros segmentos, como o trabalho. Isso porque as dificuldades em organizar a vida financeira pode ser um fator preponderante para desenvolver problemas que comprometem a eficiência do colaborador no ambiente laboral.  

No trabalho, diante de situações e circunstâncias que não entendemos, como a queda repentina de produtividade ou o aumento do número de acidentes no ambiente laboral sem motivo aparente, custamos a relacionar esses acontecimentos a questões de saúde financeira. Porém, não estar com as “contas em dia” pode afetar consideravelmente a relação do colaborador com o trabalho, a família, os colegas e consigo mesmo, gerando desordens não somente individuais como coletivas. 

É por isso que a atuação estratégica de profissionais de áreas responsáveis pelo bem-estar do colaborador, como saúde, segurança e Recursos Humanos (RH), é de fundamental importância para minimizar os riscos psicossociais que podem estar relacionados aos problemas financeiros e, assim, melhorar a qualidade de vida desses trabalhadores.  

Leia Mais 

Estratégias de educação financeira e a promoção da saúde 

Reconhecer os problemas relacionados à falta de equilíbrio nas finanças, bem como promover ações que permitam uma nova abordagem à gestão financeira, focada não apenas em boas práticas econômicas, mas no olhar sobre as motivações relacionadas ao dinheiro, sobre o significado do comportamento financeiro e os sentimentos gerados por essa relação são algumas das eminentes atribuições do profissional que atua no desenvolvimento humano.  

O SESI/RS, com 76 anos de experiência na promoção da qualidade de vida dos trabalhadores da indústria e da comunidade em geral, entende a importância da educação financeira no ambiente de trabalho como fator preponderante para a produtividade e eficácia laboral. Por isso, estamos preparados para desenvolver ainda mais os profissionais que atuam na qualidade de vida dos colaboradores.  

Nesse sentido, disponibilizamos, em nossa plataforma, o curso Saúde Financeira: promovendo o bem-estar no ambiente de trabalho, com temática atual e relevante especialmente para profissionais dos Recursos Humanos, constituindo diferencial não somente para o seu currículo como também para a empresa na qual ele atua. 

 

Autora: Marceli Tessmer Blank, Doutora em Educação. Atualmente integra a equipe da gerência de Serviços Digitais do SESI/RS. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Educação tá on!
© Todos os direitos reservados.